23.11.15

Factura de porta-couves de 1999

Tenho estado em arrumações (#minimalismo) e desenterrei uma factura antiga de 1999 do meu porta-couves dianteiro. Isto pode representar um choque para muitos dos leitores mas o interesse por scooters clássicas em Portugal tem mais de 3 anos de idade, é verdade.

Untitled
IVA a 17%, que fixe

Durante muitos anos andei só com porta-couves à frente (o traseiro é relativamente recente) e a dita unidade de compensação logística dinâmica foi abusada sem dó nem misericórdia durante esse longo período - estou confiante de ter recuperado o meu investimento de quase seis contos várias vezes.

DSC00255
E.N. 109, 2008

(continuo sem ter a certeza de que este é o modelo correcto para a PX, no entanto... Parece-me muito pequeno e levantado...)

100.000 kilometers
   

21.11.15

Fim de vida de t-shirts

Tudo tem um fim.

Nada dura para sempre.

Incluindo t-shirts. Eis duas da minha gaveta que, por força de degradação e desgaste extremos, serão reformadas para sempre. Provavelmente introduzi-las-ei no Sistema dos Três Panos (TM), proporcionando-lhes uma última e merecida oportunidade de serem úteis, mas não sem antes receberem uma pequena cerimónia de agradecimento por bons serviços prestados.


A t-shirt do Iberovespa 2010 em Albufeira está quase completamente apagada. Da concentração só me lembro da minha embraiagem queimada à ida (obrigado pela reparação, Nuno!) e da sensação de rabo quadrado causada por tantas centenas de quilómetros.


A t-shirt da Mega Concentração de Arouca de 2003 ganhou uns buracos grandes. É pena porque a frente tem um dos melhores logótipos Vespa que alguma vez vi numa t-shirt de concentração, a inclinação e cor são perfeitas. Na altura experimentava-se com uma coisa chamada "Mega Concentrações", em que vários clubes se juntavam para organizar uma concentração grande em vez de cada um realizar a sua actividade pequena. Lembro-me do passeio de grupo pela serra da Freita com chuva e nevoeiro cerrado onde não parei de sorrir por estar sequinho e quente dentro do meu equipamento.

Adeus, t-shirts.
     

18.11.15

A PX com 19 quilómetros

Havia uma garagem colectiva que eu costumava frequentar (as outras pessoas frequentam bares, eu frequento garagens) onde apareceu uma PX nova, antes do Verão. É claro que fui espreitar. "Ena que fixe, só tem 19 quilómetros!", ainda cheirava a fábrica.

Um Verão depois, encontrei-me novamente na mesma instalação de aparcamento automóvel subterrâneo a olhar para a mesma tenra e reluzente scooter. "Deixa ver quantos quilómetros é que já tem..."

P9152555

P9152554


20! VIN - TE !!! Como é possível ter-se uma PX nova na garagem e fazer-se apenas um único quilómetro durante um Verão inteiro?

Verdadeiramente apocalíptico.
    

16.11.15

Youtube Monday

Se por acaso tiveram um acidente de patinagem no gelo e estiveram em coma nas últimas semanas, então ainda não viram os vídeos do Scooter Trophy que espalhou o cheirinho de óleo 2T queimado por Marrocos. Eu gostei deste, o núemro 4.