11.6.08

1 cavalo de potência

Quem me dera ter sido uma mosca na Taboeira, há algumas décadas atrás! Poderia ter assistido às reuniões dos engenheiros da Casal, e à tomada de decisões sobre os novos produtos. "Caros colegas, na semana passada decidimos produzir apenas 7 exemplares dum tricarro horroroso baseado na nossa scooter, a Carina S170. Como poderemos superar esse feito?"

Depois de algumas horas em intenso brain storming, alimentado a café forte e ovos moles de Aveiro, surgiu a resposta: uma bicicleta Casal!

Eu nunca tinha visto uma bicicleta Casal até me aparecer esta foto no ecrã, e creio que nunca mais verei. Aparentemente, esta é uma bicicleta Casal C26. O seu desenho imita a icónica Raleigh Chopper, para criança. Tem um punho rotativo Sturmey-Archer e forqueta com pernas duplas, como pontos interessantes.

Vários logotipos e denominações "Casal" estão presentes na traseira do selim, no guarda-corrente, e no quadro. Dificilmente será uma bicicleta da marca X com autocolantes Casal colados por algum puto nos anos 70. O tubo de selim exibe um cavalo empinado vermelho com a designação "C26", que provavelmente representa o modelo. O número de série deste exemplar ronda as sete centenas, indicando uma produção superior a simbólica.

Assim, a nossa boa amiga Metalurgia Casal atirou-nos outra bola curva. Que descobertas nos reserva o futuro? Uma bicicleta Casal C25 com suspensões e atrelado? Talvez uma Casal C27 para dois com motor auxiliar de bomba de rega? A mítica Carina Sport com 100 centímetros cúbicos? A resposta está a caminho, e cruzar-se-á connosco, mais cedo ou mais tarde...