9.1.09

Neve

Nunca tinha andado de Vespa a nevar. Já apanhei com granizo (dói que se farta), mas nunca neve. Até hoje. Para comemorar a ocasião escrevi outro haiku, desta vez sem aldrabar a métrica. ;-)

No casaco preto
Pontinhos de neve branca.
A luz fica verde.