8.2.10

O ponto fraco do autolube

Lembram-se que eu agarrei há dois anos atrás? Nunca cheguei a elaborar sobre a causa e acho que já passou tempo suficiente para sair do luto e partilhar as lições aprendidas.

autolube weak spot

No canto inferior direito podem ver o tubo do óleo que vem do depósito de óleo; ao entrar na caixa do carburador, este tubo de borracha passa a ser um tubo metálico fino que dobra e desaparece para dentro das entranhas mecânicas do mecanismo do autolube que está constantemente a chupar o óleo. No sítio onde o tubo desaparece encontra-se uma porca que fixa o tubo metálico, assinalada pela seta.

Se esta porca se desapertar, a zona respectiva do circuito de alimentação de óleo deixa de estar "estanque" e o mecanismo do autolube começa a chupar ar em vez do essencial lubrificante. Foi isso que me aconteceu, a dita porca desapertou-se passadas várias dezenas de milhar de quilómetros e o motor ficou a trabalhar "a seco" com as consequências previsíveis. Continuo convencido que o mecanismo do autolube das Pês é extremamente fiável mas, da próxima vez que tiver que espreitar o carburador, vou verificar o aperto da dita porca. Se vocês fizerem o mesmo viveremos felizes para sempre.