20.5.07

Automobilia 2007 em Aveiro

A feira Automobilia que ocorre todos os anos por esta altura já tem uma excelente e merecida reputação, até no estrangeiro. Este ano esteve maior que nunca, com todo o espaço interior dos dois pavilhões ocupado, e com coisas para ver em todos os corredores de acesso e no parque exterior. À pinha! Já se tornava difícil passear nos corredores ao Sábado de tarde, agora imaginem no Domingo de tarde. Quando se perguntava o preço a um expositor, nunca sabíamos se ele iria responder em português, inglês, francês, ou espanhol. Alguns limitavam-se a mostrar dedos.

Foi bom ver a malta do costume, e caras novas. Fiz um pequeno lote de pré-produção das minhas tampas de carburador transparentes para mostrar às pessoas e recolher impressões. Posso dizer-vos que só houve duas respostas: "Não percebo. Porquê?" e "Uau, adoro!". Globalmente houve um acolhimento muito positivo e tenho planos para fazer várias outras peças uber-divertidas.

Por lá se viu um senhor que tinha comprado uma 50ss por 200 euros, pensando que era uma Vespa normalíssima, bem como um vendedor que garantia a pés juntos que um prato de bobines funcionava, porque o tinha tirado deste motor (apontando para um motor de smallframe) e que o podia provar: "monto já neste [outro motor de smallframe] e garanto que o motor funciona!". Punch line: o prato era de uma Rally 200 electrónica.

Estava lá um atrelado com três charutos em cima, tudo por 150 euros. Pouco tempo depois, o papel desapareceu, seria piada? A certa altura eu tinha a PX estacionada entre duas Transalp, cá fora, e houve um palhaço numa Harley enorme com cromados e couros e metade do catálogo "Milwaukee's Gayest Accessories" em cima que estacionou à minha frente, bloqueando-me totalmente! A sorte dele foi que saiu antes de mim, senão a coisa era capaz de ficar feia... Aaaarrgghhh! Ah, e Domingo fomos à caça dos Volvos. Comprei um "testador" de compressão para aferir da saúde de pistões e cilindros, o qual já estava na minha lista de faltas há éne. Informarei resultados. Boa.