2.3.15

Youtube Monday


Sigam um jovem Indonésio, a sua mulher, o seu bebé e o seu clube de amantes de Vespas extremas enquanto viajam a uma concentração de fim-de-semana.


Como já disse antes (ou tentei dizer), a nossa visão pessoal do scooterismo é extremamente relativa e distorcida, influenciada pelos nossos amigos e pelo que vemos nas concentrações e no computador. Este pequeno documentário dá um forte puxão nessas vendas estéticas e ajuda a percebermos que o nosso modo de estar no scooterismo não é, de modo algum, universal nem imbuído automaticamente de validade ou correcção.

TL;DR: Menos aspecto, mais substância. Menos cromados, mais quilómetros.


    

Sem comentários: