11.12.12

946? Acho que vou esperar pela 947

A Horta obteve em exclusivo mundial as primeiras imagens cinematográficas em vídeo-movimento da nova Vespa 946 a ser testada a fundo:



Não, a sério, existe um vídeo oficial mas que se revela tristemente deficitário em Morenas Sorridentes de 23 Anos de Idade (M.S.23A.I.), como manda a regra não escrita dos vídeos oficiais de scooters. A Honda, por outro lado, cumpre plenamente a sua cota de M.S.23A.I.

E características técnicas? Pois visitei aquele que previsivelmente será  um dos sites internético-digitais mais populares do Apocalipse, www.vespa946.com, e saquei a dita informação técnica do novo modelo:
  • "essência do design"
  • "a expressão pura do estilo"
  • "cristalização em forma e substância"
  • "o valor da estética e dinamismo "
  • "verdadeiro luxo"
  • "crescentemente ambicioso e captivante"
  • "exalta os valores clássicos"
  • "a sinuosidade entontecedora"
  • "abordagem artesanal com contornos futuristas"
  • "confirmação do esírito que anima e descreve o nascimento da excelência"
  • "infindável era épica de prazer"
  • "essência do design" (outra vez)
  • "pura expressão de um estilo"
  • "modelo dinâmico para o início duma nova era"
  • "à medida do Universo"
  • "projectada para o Olimpo de ideias com uma perspectiva universal"
  • "projecção clarividente de mobilidade sustentável cuja forma e substância cristalizam a estética fundamental e valores dinâmicos"
A cena da "infindável era de prazer épico" desperta-me bastante interesse, mas a parte da "à medida do universo" nem tanto; acho que não caberia na minha garagem. Apesar de "sinuosidade entontecedora" ser mencionada, estou convicto que a 946 deve ser divertida de conduzir, graças a ABS, controlo de tracção, motor potente e longa distância entre eixos.

Já vi imagens fotografico-digitais de uma 946 pintada de amarelo, o que confirma a minha previsão de que o amarelo é o novo azul-cueca. Eis, novamente em exclusivo planetário, a primeira miniatura da 946 na tonalidade Azul-Cueca Pós-Apocalíptico ou Amarelo Para Os Amigos (A.C.P.A.A.P.O.A.), que agora embeleza a Colecção da Horta de Tralha Desnecessária (C.H.T.D.):

PB144011
Se um membro da tua família for a Palermo trazer-te-á uma destas como prendinha do museu Vespa local

O "U" é a inicial de Ui Ca Feia. Não, mas agora a sério, já não penso que a 946 seja tão feia quanto os "dentes de um heroinómano do Terceiro Mundo", não. Só do Segundo Mundo. Apesar de o design arrojado não me arrepiar o estômago tanto como no início, continuo a considerá-lo como um falhanço e vou-vos explicar porquê, apesar de ninguém ainda estar a ler cá tão em baixo da posta.

O que se passa é que a 946 retira a sua inspiração do protótipo MP6 de 1945, máquina essa que possuía umas linhas agrícolas e desequilibradas. O design magnífico da Vespa ainda estava num estado muito primitivo e pouco refinado, e os cromos do departamento de design da Piaggio que usam camisolas de gola alta e óculos sem armação deviam era ter pegado numa Vespa dos anos 60 como ponto de partida, como uma VBB ou uma GS160. Essas sim, é que representam verdadeiramente o expoente máximo do design da Vespa com linhas elegantérrimas a roçar a perfeição.

Já agora, só por brincadeira hipotético-saudosista, pedi ao super-computador da Horta para fazer uma simulação grafico-visual de altíssima resolução e qualidade do aspecto duma 946 em azul-cueca com pneus de faixa branca e um selim à maneira.

vespa-946

De nada. Como Veículo Oficial do Apocalipse (V.O.A.), acho que preferiria uma T-Max toda espremida.
     

2 comentários:

VCS disse...

Acho que deves mudar a legenda do blog. Não há razão para fazer referência aos Eur.6.000, já que o limite foi chutado agora para os Eur.9.000 pela 946.

Eu gosto e muito desta 946. Mas se alguma vez der 9.000 por uma 125, internem-me num hospital psiquiátrico.

Vasco

Anónimo disse...

O preço das motas não se da pela celindrada, mas pelo prestigio, e ha quem so tenha carta de 125cc ;)