11.10.10

GS dos "Correos"?

Graças aos meus super-poderes jornalísticos consegui obter a pulseira enfeitiçada que me permitiu entrar para o Jardim Mágico dos Veículos de Antigamente sem ter que pagar o tributo de nove moedas de ouro. Senão, não tinha ido ao Autoclássico, é caro como o raio.

É muito giro se gostarem de carros clássicos sobrevalorizados, veículos de corrida de interesse mediano e vendedores de peças de borracha para Citroen. Enquanto não obtenho 11 milhares de euros descartáveis para o DS dos meus sonhos, tive que me contentar em comprar ferramentas de saldo e miniaturas de Vespas, como esta "Super Vespa". Com 6 centímetros de comprimento, tem os dizeres "Hong Kong" por baixo tornando-a numa máquina bastante viajada.



Num desvio oblíquo mas planeado, pergunto qual de vós é que já foi a Espanha e não viu uma PX amarela a entregar o correio? Poucos, certamente. Eu próprio já fui surpreendido com uma gaeragem cheia delas na lateral da Igreja de Santiago de Compostela. Diabos, até havia uma foto a circular nas internétes duma pilha de Lambrettas amarelas com a cor e logótipo dos Correios Espanhóis a apodrecerem num campo qualquer. E é por isso que existe uma percentagem invulgarmente alta de chaparia para PX de tom amarelo e caixas descomunais de fibra de vidro a combinar nos classificados: são dos "Correos". Como a próxima miniatura.

Vespa GS "Correos"

Se realmente existiram GSs a serviço na empresa postal dos reinos de Aragão e Castela, porque é que não aparecem nos classificados? Onde estão os balons, os motores, os quadros a serem trazidos das sucatas ibéricas para os sites de classificados grátis lusitanos onde cada um é livre de anunciar os seus itens supérfluos e a sua falta total, completa e absoluta de civilidade e repeito pelo próximo? Será que há algum armazém fechado e perdido a poucos quilómetros da fronteira que esconde uma frota inteira de GS150s levemente usadas? Talvez, mas eu já tenho a minha GS dos Correos, por isso estou safo.

(índice de esforço literário/criativo nesta posta: 37%)

Sem comentários: